Sinal de pare

O poder do “não”

 

Dizer “não” significa cortar tudo o que é desnecessário para suas finanças e abraçar apenas o essencial. 

Quando dizemos “não” estamos evitando entrar em um turbilhão de novas decisões. Essas novas decisões vão tomar nosso tempo, além de atrair nosso foco para elas.

Existem propostas que são claramente furada, entretanto muitos dos empecilhos que nos impedem de alcançar nossos objetivos são encontrados naquelas propostas que parecem atraente, mas na verdade nos distraem do nosso objetivo. 

Um exemplo disso são as decisões de curto prazo, aqueles que vão ter resultado apenas naquele momento. Para elas as resposta é provável “não”.

Todo o resto que não tivemos muita certeza ou que nos provoca dúvidas pode ser um “não”.

Dizer “não” para muitas propostas furadas economiza muito do tempo e até dinheiro, sem falar no nível de estresse de tentar agradar todo mundo dizendo “sim” para todos os convites de eventos.

Certo, agora sabemos para o que dizer “não”, mas então para o que dizer “sim”?

Decisões de longo prazo, aquelas que seu eu do futuro vai agradecer que você fez.

Pense no que seu eu futuro de 10 anos iria ser grato se você realiza-se hoje. Essas são decisões que merecem um “sim”.

Um livro muito bom sobre como tomar decisões mais consientes é o Essencialismo.

Acredita que o planejamento e a educação financeira podem fazer com que qualquer meta de vida seja alcançada. Busca difundir a administração de dinheiro de forma simples e eficaz através de investimentos.